Publisher is the useful and powerful WordPress Newspaper , Magazine and Blog theme with great attention to details, incredible features...

Menos também pode ser mais

O termo Minimalismo se refere a movimentos artísticos e culturais que surgiram no século XX. O princípio era usar poucos, mas fundamentais, elementos no apoio à comunicação. Atualmente o minimalismo é muito usado como estilo de vida.

Quem segue esta filosofia prioriza tudo que é importante para si mesmo. O foco está em simplificar para ser feliz. Ter um estilo de vida minimalista é dar mais importância às experiências vividas e menos ao consumismo e às posses materiais. Ter qualidade e não quantidade.

Isso não significa parar de consumir, mas ter consciência de suas escolhas para que sejam úteis e práticas. É saber avaliar o que é necessário ou impulsivo.

O olhar minimalista nos livra dos excessos ou ostentação para valorizarmos o que é essencial e suficiente. Assim, gastamos mais energia com o que realmente nos faz feliz, pois compramos menos e investimos mais no que fazem nossos olhos brilharem. O segredo é apreciarmos o que temos!

Você tem conhecimento de tudo que possui? Ou tem tantas coisas que ficam paradas por meses e até esquecidas nas gavetas de sua casa? Compra todos os lançamentos de tecnologia ou realmente só aquilo que precisa e faz falta pra você?

Como é sua relação com seu guarda-roupa? Compra muito por impulso ou faz escolhas pensadas e planejadas para formar novas possibilidades? Todas as peças circulam no guarda-roupa ou sempre usa as mesmas, esquecendo outras tantas dentro dele?

Se você quer simplificar na hora de vestir, o minimalismo está presente também no estilo pessoal. As cores na maioria das vezes são neutras, as formas são limpas, linhas simples com referencias geométricas e o uso de poucos acessórios, que sejam também impactantes.

Seja no estilo de vida ou no estilo pessoal, quem faz escolhas conscientes tem sempre condição de avaliar seu caminho sem se prender ao que é efêmero ou supérfluo. E assim, dá menos importância ao olhar do outro e mais ao seu próprio olhar. Permite encontrar a sofisticação no simples. Não é necessário pertencer a ou parecer. É sentir-se livre para escolher aquilo que te representa, acrescenta e faz feliz.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.